Contraditório Vagabundo

Emicida

fotos
Traduzir letra para:
  • tradução
Contraditório Vagabundo Emicida
Refrão
Contraditorio vagabundo como Chaplin,
Do tipo que gosta de flores mas não tem o jardim,
Se ainda houver amor de graça quero um poco pra mim,
Procurar um mundo novo e pra mim só falta os passin ! (2x)

Vou pela estrada de tijolos amarelos que levam ao castelo,
Meu pé de Chinelo,
Tenho um forte elo, com o Mundo belo, paralelo
A esse onde eu camelo,
sonho morto por martelo eu desmantelo e não gelo, velo !
Por que chora sob o verde e o amarelo,
massacra meu cerebelo, igual queda de violão celo,
Sei que o mundo num é mal, o homem não aprendeu a ser bom,
vivendo fora do tom, será que adianta faze meu som ?
E nem tudo que é de bom mantém o meu olho fixo,
pra não vira prolixo, mesmo sem ter noção do que é isso,
Quero só a liberdade, igual o homem bicentenário,
só de mostra meu ódio vou achar adversário,
desnecessário, de juca no cenário,
Pagar de sanguinário, não sabe o quanto é hilário,
Não vai pro relicário, porque é mercenário,
os but picotado é que tá o meu diário !
Sou só emissário, guerreiro lendário, solidário, solitário
que não tem nenhum salário extraordinário, contrário do falsário !
Minha mãe que diz:
"Onde que tá o dinheiro em revolucionário ?
Arruma a cama,
Quem mando rabisca o armário?
Uma da tarde pra acorda, isso é horário ?
Se é vagabundo, e isso vem desde o primário,
Por que não vai arruma um trampo desnecessário ?
Que coisa feia, por que não muda o vestuário ?
Calça caida, ropa, parece presidiário !
Se é vagabundo e isso vem desde o primário,
já vi que isso vai até o tumulo, e vem do berçário !
Ah meu Deus, vagabundo mesmo !
vagabundo e não muda !"

REFRÃO (2x)

Ser probre só uma dia,
Esse é o sonho do EMICIDA,
Porque é muito foda, você ser poobre toda vida !
Minha rima não é caída, vem tipo bala perdida,
Mó cota to na corrida, odeio metida,
Me ouve fica mordida, até procura a saída,
e vai se perguntando onde essa merda tá sendo vendida !
Devia ser poibida trancafialho escondida,
Se pobre for oponente, a Guerra por mim foi vencida !
Claro ! Eu vivo sem fronteiras, como a TIM,
Fazendo som de Neguin,
Dedico eles aos probrin,
Comendo amendoin,
50 Centavos na mão do tiozin!
Único preço, que não dá preju pra mim !
Limite não existe,
Isso é pra quem usa fardas,
Mantendo os dias tristes irmão,
Eu tenhu asas !
Minha rima é boa e é nova ao mesmo tempo!
Colorido e cinzento !
Eu sei qual o quinto elemento !
Não é o dinheiro nojento !
Pondo em evidência o tempo,
Ai djow, meu verso é loco o processo é lento !
Não é o Itaú, mais ele é feito pra você !
Ou melhor por você, então irmão, é só se envolver !
Mais inteligente que linha aérea da GOL, vencer por meio do flow,
Acho que o pior já passou !
Tenho todos os motivos do mundo pra atirar nesses ricos,
Mas só quero eles lá, e eu aqui tá limpo !
Saindo pelas Bravox, chocando igual Rene Cox,
Perdendo igual marreco no joguinho do Star Fox,
Esperto você com as jóias verdadeiras,
Eu so mais Rei do que Charles,
E o assunto é o Cachoeira,
Cagadeira, e fala asneira e tirador dos herói,
a Real que eu vim do inferno e so bom, tipo HellBoy !

Refrão (2x)



Denunciar conteúdo inapropriado
abrir vídeo no player adicionar no player
  • músicas
Estilos: Rap, Hip Hop
Site Oficial
Publicidade
letras de Emicida
Publicidade
00:00 / 00:00