Hino Vira-lata (part. Quinteto em Branco e Preto)

Emicida

fotos
Traduzir letra para:
  • tradução
Hino Vira-lata (part. Quinteto em Branco e Preto) Emicida
Meu coração tá na mão do ritmista
Do DJ, do pandeiro, do repentista
Onde for meu amor vão saber
Que ali tem um maloqueiro
Apaixonado por você

Ai, de nego veio filosofia
Palavra boa é poesia
Acalma, acorda é alegria
E dali palma a minha alma
Ainda é escrava da boemia
Onde sofrer vira pranto
Reclusa a ave, perdoa amor, perdoa
Me joga a chave eu quase me perdi, quase
Enquanto você briga
Minha mente tá no tempo, tá nas frases
Vou provar que sou capaz
A musica é luz que vem e faz
É a gíria pra todos os orixás
Pra dividir com todos igualzinho o sol, faz
Caridade amor Aruanda
Sem vacilo, cobiça ou demanda
Maldade, camba, pois não é toda palavra
Se encaixa num bom samba

Meu coração tá na mão do ritmista,
Do dj, do pandeiro do repentista
Onde for meu amor vão saber
Que ali vai um maloqueiro
Apaixonado por você

Palavra boa é poesia
E dali palma a minha alma
É escrava da boemia
Perdoa amor, perdoa
Me joga a chave
Enquanto você briga
Minha mente tá no tempo
Tá nas frases
A musica é luz que vem e faz
É pra dividir com todos
Igualzinho o sol, faz
Sem vacilo, sem cobiça, sem demanda
Mas não é toda palavra
Se encaixa num bom samba

Meu coração tá na mão do ritmista,
Do DJ, do pandeiro do repentista
Onde for meu amor vão saber
Que ali vai um maloqueiro
Apaixonado por você



Denunciar conteúdo inapropriado
abrir vídeo no player adicionar no player
  • ouvir
Estilos: Rap, Hip Hop
Site Oficial
Publicidade
letras de Emicida
Publicidade
00:00 / 00:00