Amigos Verdadeiros

Moacyr Franco

fotos
Traduzir letra para:
  • tradução
Amigos Verdadeiros Moacyr Franco
Ajudar um companheiro
É abrir mais uma estrada
Sem amigo verdadeiro
Essa vida não é nada.

Eu na escuridão
Cavucando o chão
Mas meu caminhão
Já não se mexia

Vem que eu quebro queixo
Eu estouro o eixo
O caminhão não deixo
Eu tinha essa mania

Quanto mais untava
Mais atolava
Eu excomungava
Sem companhia

De repente escuto
Cantando vulto
Eu nem me assusto
Era uma família

Ajudar um companheiro
É abrir mais uma estrada
Sem amigo verdadeiro
Essa vida não é nada.

Oito nego lindo
Um cantando e rindo
Um sempre aplaudindo
Me arrepiava

Com serviço feito
Daquele jeito
Eu feliz no peito
Também cantava

Tava indo embora
E os amigo encolhe
Isso não é hora
Dorme com a gente

Talvez falte cobre
Mas a noite é sóbria
Esse céu que encobre
Faz nós contente.

Ajudar um companheiro
É abrir mais uma estrada
Sem amigo verdadeiro
Essa vida não é nada.

Quando amanheci
Procurei não vi
Ninguém mais ali
Não existia nada

Era só um cruzeiro
E um canteiro
Eu benzi primeiro
E peguei a estrada

Segui meu caminho
Devagarinho
Foi meu padrinho
Que me contou

Naquela fazenda
Tinha uma lenda
De uma moenda
Que incendiou

Ajudar um companheiro
É abrir mais uma estrada
Sem amigo verdadeiro
Essa vida não é nada.

Quando a escravidão
Terminada então
Teve ela um patrão
Tão cruel e bravo

Que quando Isabel
Desvendou o véu
Renegou o céu
E matou os escravo

E de lá pra cá
Quem passar por lá
Basta precisar
Que eles aparece

Vem cantando lindo
Sempre sorrindo
Amigos bem vindos
Como uma prece

Ajudar um companheiro
É abrir mais uma estrada
Sem amigo verdadeiro
Essa vida não é nada.



#A letra está como é cantada.#


Denunciar conteúdo inapropriado
abrir vídeo no player adicionar no player
  • músicas
Estilos: Romântico
Site Oficial
Publicidade
letras de Moacyr Franco
Publicidade
00:00 / 00:00