Vitória

Silvio Caldas

fotos
Traduzir letra para:
  • tradução
Vitória Silvio Caldas
Antes da vitória
Não se deve cantar glória
Você criou fama, deitou-se na cama!
E eu que não estou dormindo
Vou subindo, vou subindo
Enquanto você vai decaindo
(Agora!) (bis)

Quero a minha independência
E com calma e paciência
Me preparo pro futuro
A tudo estou resolvido
E você tome sentido
Que entre nós o páreo é duro
Aguentei muita indireta
Mas andei na linha reta
Não maldigo a minha sorte!
Vou agindo com cadência
Sei que a minha independência
Há de ser a tua (sua) morte
(Vitória!)

Tua voz se alguém percebe
Bem humilde te recebe
Tua entrada ninguém veda
Gozas de maior ventura
Mas quem vive em grande altura
Leva sempre grande queda
Sempre fiz papel bonito
Não tenho medo de grito
O que falo é bem pensado!
Não receio escaramuça
Que aceite a carapuça
Quem se sente melindrado.



Denunciar conteúdo inapropriado
abrir vídeo no player adicionar no player
  • ouvir
Estilos: MPB, Samba
Site Oficial
Publicidade
letras de Silvio Caldas
Publicidade
00:00 / 00:00