Dona do Meu Destino

Zé Henrique E Gabriel

fotos
Traduzir letra para:
  • tradução
Dona do Meu Destino Zé Henrique E Gabriel
Quando a tarde cai
Eu olho da janela
Pessoas passando
Fico esperando
E me vem na lembrança
Seu último beijo...

Eu nunca mais
Tranquei a porta
Desde que saiu
Eu nunca mais
Fechei meus olhos
Prá dormir
Tudo ficou triste
Sem você nesse vazio
Eu choro!
Choro! Eu choro!...

A noite chega
E trás a luz
Do seu olhar na lua
Alcanço as estrelas
E volto a ser menino
Se for preciso
Eu te espero mais 500 anos
Por toda minha vida
Você é meu destino
Dona!
Dona Do Meu Destino...

Assim vou vivendo
Levando na raça
Sigo o meu instinto
Olhos rasos d'água
Com sede de amor
Coração faminto
Da mesma janela
Que eu te vi partir
E que eu fiquei chorando
Caído de amor
Em qualquer fim de tarde
Estarei te esperando...

Eu nunca mais
Tranquei a porta
Desde que saiu
Eu nunca mais
Fechei meus olhos
Prá dormir...

A noite chega
E trás a luz
Do seu olhar na lua
Alcanço as estrelas
E volto a ser menino
Se for preciso
Eu te espero mais 500 anos
Por toda minha vida
Você é meu destino
Dona!
Dona Do Meu Destino...

Assim vou vivendo
Levando na raça
Sigo o meu instinto
Olhos rasos d'água
Com sede de amor
Coração faminto
Da mesma janela
Que eu te vi partir
E que eu fiquei chorando
Caído de amor
Em qualquer fim de tarde
Estarei te esperando
Caído de amor
Em qualquer fim de tarde
Estarei te esperando...
abrir vídeo no player adicionar no player
  • ouvir
Estilos: Sertanejo
Site Oficial
Publicidade
letras de Zé Henrique E Gabriel
00:00 / 00:00